Pular para o conteúdo principal

Almoço em Nova Trento

Fim de semana atípico, com compromisso maçante (leia-se: concurso público) para Dayana  na cidade de Tijucas no domingo. 


Sem muita opção, saímos de São José sábado final de tarde (depois de convencer os cinco gatos e a rotweiller de que iríamos voltar logo) com destino a Itapema, onde meus pais já nos esperavam para jantar.
Cidade gostosa e calma (sem o agito do verão) torna-se ideal para um passeio no final de semana. Se tiver sol até dá pra arriscar um banho nas águas tranquilas ou uma boa caminhada em sua imensa extensão de areia.


Domingo levei a Dayana pra fazer a prova e voltei para Itapema. Aproveitei a estrada vazia e fiz a gordinha mostrar a sua potência. Nada que ela não possa fazer com a maior facilidade! Enquanto a Dayana fazia a prova, eu aproveitei um pouco da praia.

Ao meio dia, peguei a Dayana e fomos em direção a Nova Trento almoçar. O trajeto é um excelente passeio, com boas estradas e muitas opções de culinária. A cidade reconhecida mundialmente por sua dedicada moradora, Madre Paulina, é também palco da charmosa cultura italiana.
Almoçamos na Cantina Italiana (R$ 26,00 por pessoa / livre), comemos bastante e aproveitamos um pouco da infraestrutura que o local oferece.




De graça, ainda vimos um desfile de carros antigos chegando ao local.




Seguimos em direção ao Centro e logo após fomos  ao Santuário da Madre Paulina. O templo é admirável, uma obra de arte da engenharia e sem dúvida muito grandioso.



A rua de acesso é cheia de lojinhas, vendedores ambulantes e muita gente comprando, comendo, fotografando ou esperando o tempo passar.



Passamos com a moto no meio daquele povo todo até achar um estacionamento (sem precisar pagar) na frente de uma igrejinha antiga.


Lugar agradável com um “museu” de  materiais utilizados pelos agricultores de antigamente e um engenho com roda de água são atrativos para o público.




Pra completar: um riozinho que convidava os apaixonados por água como eu a refrescar-se em seu leito e um sorvete que é um espetáculo!!!




Hora de voltar. No caminho paramos em algumas lojas e depois seguimos rumo a São José pela BR-101. Chegamos em casa onde toda a família (gatos e cachorro) nos esperavam ansiosos e felizes.

Comentários

  1. Belo post!!! Família esperando ansiosos foi ótimo!!!

    Essa Cantina Italiana é muito boa, né? Fui lá há uns 02 anos atrás e gostei muito!!! Mamma Mia!!! =)

    http://porjulimari.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por comentar!
Jean e Dayana Raduenz

Postagens mais visitadas deste blog

Férias pelo Uruguai (Rivera, Montevidéu e Chuí)

Montevidéu ou Montevideu (em castelhano: Montevideo) é a capital e maior cidade do Uruguai. É também a sede administrativa do Mercosul e a capital mais jovem da América Latina, fundada entre os anos 1724 e 1730. Localiza-se na zona sul do país, às margens do rio da Prata e é a cidade latino-americana com a maior qualidade de vida e se encontra entre as 30 cidades mais seguras do mundo. Quase a metade da população do país, ou 1,4 milhão de habitantes, mora nessa metrópole, que possui uma arquitetura charmosa e preservada, onde vale a pena andar a pé e admirar suas ruas elegantes. A cidade se encontra em uma zona geográfica que se caracteriza como a rota principal de exportação de cargas do Mercosul. Por sua vez, conta com uma baía ideal que forma o porto natural mais importante do país e o melhor da América do Sul, pela qual saem e entram as mercadorias exportadas e importadas. Os cidadãos de Montevideo são conhecidos como pessoas cultas e elegantes. (Fonte: www.wikipedia.org )

Férias em Campos do Jordão - SP

Sobre a cidade: Campos do Jordão localiza-se a 1.700 metros de altitude e pesquisas científicas acusaram a superioridade de seu clima em relação a Davos Platz, nos Alpes Suiços, bem como um teor de oxigenação e ozona superior ao de Chamonix, famosa estância francesa, pela pureza do ar. Campos do Jordão apresenta vantagem sobre as demais estâncias climáticas brasileiras: o seu clima tropical de montanha faz com que o sol esteja presente praticamente o ano todo. A luminosidade costuma atingir o seu grau máximo no inverno, quando então a temperatura chega a 5 graus negativos, embora já tenha atingido, no passado, a 18 graus abaixo de 0, em 1992. Fonte: http://www.netcampos.com Portal da Cidade de Campos do Jordão - SP Como realizamos esta viagem: Dez dias de férias. Como aproveitá-los ao máximo? Sem sombra de dúvida, dando uma esticada de moto!!! Perfeito! Mas qual seria o destino?  Minha ideia inicial era visitar  nosso país vizinho, isto mesmo, o Uruguai. Mas devido a

Dia dos Namorados em Rio dos Cedros - SC

Saímos da Grande Florianópolis, fomos até Pomerode e dormimos em Jaraguá do Sul (SC).  No dia seguinte seguimos para Pomerode, Rio dos Cedros, Timbó e voltamos para casa. Espero que gostem e se possível comentem no final do texto. Obrigado . . Depois de uma semana em Recife-PE (a trabalho) e de quase não conseguir voltar para Floripa devido às cinzas do vulcão chileno que provocaram cancelamentos de voos para Floripa-SC, cheguei em casa sexta à noite com duas horas de atraso. Uma semana sem andar de moto, estava precisando sentir o vento no rosto. Pegamos a V-Strom e fomos até Pomerode-SC, em mais um belíssimo encontro de motos oferecido pelo Dragões do Vale.  Lambreta no encontro dos Dragões do Vale A viagem foi ótima mesmo com a temperatura de 10° C. Para quem conhece esta sensação ao andar de moto, palavras são desnecessárias. Para quem não conhece, basta imaginar esta cena: coloque sua roupa mais quente (na qual não entra vento), luvas e um bom par de